Publicados


Opinião »

Trazendo esta reflexão para a realidade angolana, nos primórdios da independência de Angola e no contexto da euforia revolucionária inspirada no catecismo marxista-leninista, ser intelectual era sinónimo de burguês e, logo, reaccionário. A vanguarda revolucionária estava nos operários (proletariado) e camponeses.

Opinião »

A vitória de Donald Trump significa que José Eduardo dos Santos vai ter a vida facilitada? Tudo indica que sim. Quem diz que Putin é um “líder muito respeitado” não se encontra numa posição para ser capaz de contrariar o narcisismo sanzaleiro e o despotismo do Engenheiro Eduardo dos Santos, o “querido líder” de um dos dez países com pior prosperidade no mundo inteiro e campeão mundial em mortalid

Notícias »

A extrema-direita europeia congratulou-se hoje com a vitória do republicano Donald Trump nas eleições presidenciais dos Estados Unidos da América. Líderes de partidos de extrema-direita de França, Reino Unido, Rússia, Holanda, Itália, Alemanha e Áustria e os neonazis da Grécia já manifestaram o seu agrado com a derrota da democrata Hillary Clinton e a vitória do magnata conservador de Nova Iorque

Notícias »

Por ocasião do 41º aniversário do início da resistência armada em Cabinda, a FLEC presta homenagem “à coragem de todos aqueles que se sacrificaram e sacrificaram por Cabinda”. E acrescenta que, “apesar de 41 anos de ocupação, o espírito e a identidade Cabindense permanecem intactos em Cabinda”.

Notícias »

Várias testemunhas oculares acusam o governador da província do Cunene, Kundi Paihama, de ter ameaçado agredir um dos mais conhecidos párocos angolanos, Pio Wacussanga. Afinal tudo está como tem estado nos últimos 41 anos. E não adiantou mudar do Huambo para o Cunene.

Notícias »

A reportagem sobre a falta de papel higiénico na Sonangol gerou alguma perplexidade entre os leitores do Maka Angola, que perguntaram por que razão se dava importância a um tema tão ridículo.

Notícias »

O secretário-geral da Amnistia Internacional (AI) afirmou hoje que a organização de defesa dos Direitos Humanos “está muito preocupada” com a pressão sobre a imprensa exercida em países da CPLP como Angola, Moçambique ou Guiné Equatorial.

Notícias »

O Bureau Político do braço-armado do regime, o MPLA, reuniu-hoje, em Luanda, na sua 2ª sessão ordinária, sob orientação do seu Presidente, sua majestade José Eduardo dos Santos, tendo analisado assuntos relativos à vida interna do partido e à governação do reino.

Negócios »

Recentemente, o Standard Chartered Bank recusou continuar a efectuar os pagamentos da Sonangol a uma empresa-fantasma de Isabel dos Santos — a Wise Intelligence Solutions, registada no paraíso fiscal de Malta — por suspeita de conflitos de interesse, corrupção e branqueamento de capitais.

Opinião »

O desastre – para os acólitos da ditadura de José Eduardo dos Santos – dos debates entre o Embaixador Itinerante, António Luvualu de Carvalho, José Eduardo Agualusa e João Soares, embora tivessem como objecto fulcral a política, são interpretados na óptica vesga, quase sempre cega, daquilo a que o sipaio Jomo Fortunato chama, no Pravda, “valorização positiva dos aspectos civilizacionais da cultur

Opinião »

A actual Angola, medianamente dirigida, nos últimos anos, pelo MPLA, nasceu como República Popular, em 11 de Novembro de 1975, dividindo os angolanos, com a instauração de um regime de viés comunista, sectário, autoritário e discriminador, orientado para eliminar todos quanto não aderissem a ideologia dominante.

Notícias »

Não deve ter sido inocente o alerta que os Estados Unidos terão feito acerca do controlo exercido por políticos influentes (leia-se JES, os seus filhos e os compadres generais) nos bancos angolanos.